Image Map

Sinopse: The Colors Of Life (lagerfeld)





Raramente, entendiam o meu conceito sobre balé. Raramente, entediam a minha paixão em ser bailarina. Balé é dançar conforme o vento move as folhas, contagiar todos a sua volta com graciosidade e elegância. Ser bailarina é sentir a melodia, é emocionar-se e emocionar. Balé era o que guiava-me no caminho imprevisível da vida. Ser bailarina era e ainda é, o que mais importa à mim, contudo, tive de abandona-lo em razão de um câncer que me consome aos poucos. A mercê de tal doença, tive de abandonar a antiga vida e adotar outra que vive veementemente em hospitais. E por um tempo rendi-me a essa vida medíocre, todavia percebi que, se, eu estivesse destinada a morrer em poucos meses, que eu os vivenciasse em meio a diversão, não acorrentada à hospitais. E em meio a busca por tal realização, meu caminho cruzou-se com o de Harry. Um jornalista que viu mais do que loucura, em uma garota que a cada peruca colorida usada, além de tentar disfarçar efeitos colaterais de uma quimioterapia, encarnava uma personalidade diferente.

Primeira Pessoa

A vida de algumas pessoas são movidas à sonhos, e Annabel Benward, encaixava-se perfeitamente no adjetivo sonhadora. A jovem levava a vida como uma bailarina extremamente excepcional, carregando consigo o sonho de obter uma bolsa de estudos em uma das escolas mais bem dotadas de Paris. Todavia, tal sonho, por hora, torna-se impossível, uma vez que é notificada sobre um câncer agressivo que a consome aos poucos. E como toda doença precisa ser tratada, Annabel, inicia uma vida contínua em hospitais. Por um certo tempo, a vida em hospitais surtiam resultados agradáveis, contudo, tal rotina árdua desencadeou insatisfações em seu emocional. A vida alegre e colorida, aos poucos, tornava-se cinza. Viver a mercê de hospitais fora o estopim, desencadeando a urgência em viver de verdade, assim como antes. Annabel estava decidida a colorir sua vida preto e branco, e Harry, a ajudaria. 

Terceira Pessoa

minha primeira preferencia, socorro olá anjinho. fiz duas sinopses, a primeira em primeira pessoa e a segunda em terceira. tentei não revelar muito, pra tentar implantar aquelas perguntas ``como? porque? e quando?``nos leitores e despertar o famoso interesse.
Muito obrigada pela preferencia. Espero que goste, e caso não, pode refazer o pedido. Comente o que achou ok? sz







2 comentários: